3 de out de 2011

niilistas urbanos

Tigres fracos
Selva moribunda
Niilistas urbanos fazendo piruetas
Gado nas igrejas e templos
Ladainhas e mantras
A morte com seu véu de indiferença
Sempre acordada espreita
Nunca padece de insónia

Nenhum comentário: