16 de mai de 2011

ÉDIPO REI AMA FANTASMAS

Édipo rei ama fantasmas

Salta a noite da sua moldura de estrelas
Postes de electricidade seus fios de cobre
Enormes jibóias assobiam no inferno

Cão sarnento na rua flutua
Um bêbado santo finta a miséria

Narinas de pária locomotiva de moncos
Sem estação nem trem a dor do mundo

Damas frenéticas transito nocturno
Mercado de carne sensualidade dolosa

Faróis de automóveis
Dragões de Fogo

Solitárias criaturas mercando sexo
Terna Jocasta

Édipo rei
Ama fantasmas.

Nenhum comentário: