19 de mar de 2012

Aqui é a minha Ilha



Aqui é a minha ilha
meu planeta,
sua invisível elipse,
gaivotas e águias,
suas pegadas na areia,
teus olhos saltando
no quebrar das ondas,
dez velas panadas
sulcando na espumosa água,
bate o meu peito
amanhece o dia,
rosas de luz
orvalho em teus
lábios …

nordeste manso
acariciando teu
rosto
Trópico de Câncer
seus tambores rufando…
flores que, as
quatro da tarde,
abrem em sorrisos,
gemidos de amantes
loucos de amor,
meneando no ar,
suas perfeitas ancas,
de marfim e ébano,
apaga o mundo,
renasce o mundo
a cada instante,
celebremos a vida,
neste imenso instante!...

Um comentário:

Anônimo disse...

gosto, muito bonito;
primavera...