6 de jul de 2010

DOS POEMAS EROS


Teu corpo é mar calmo,
Onda quieta,
Alga cheirosa num
Odor oceânico
Navio ancorado
Baía calma

Teus seios faróis
Oceano imenso
Beijo-te na púbis
Casa de anjos

Corpo ardendo
Favo de mel
Zangão feliz
Sorvendo néctar

Nenhum comentário: